sábado, 10 de agosto de 2013

PSB mineiro nas mãos de Aécio e partido perde Romário

A nova executiva estadual do PSB mineira não apresenta mais o nome de Walfrido dos Mares Guia, que ingressou no partido pelas mãos de Lula, e apresenta vários nomes vinculados ao senador Aécio Neves. A nova direção está assim composta:
Presidente: deputado Júlio Delgado
Vice: Mário Assad Jr. (foi coordenador da campanha de reeleição de Marcio Lacerda; sua família atua politicamente na região de Manhuaçu)
2o Vice: Maria Elvira (vinculada à Aécio)
Secretário Geral: Adenor Simões (de São João del-Rei, vinculado à Aécio)
1o Secretário: Laudo Natel Tostes (de Bias Fortes)
Sec. de Relações Intergovernamentais: Daniel Nepomuceno (na eleição da mesa diretora da Câmara Municipal, foi cotado para ser apoiado pela bancada do PT, contra Pablito, indicado de Aécio Neves)
Sec. Finanças: Janete Maria de Souza (indicada por Maria Elvira)
Sec. Organização: Massilon da Silva Maciel (de Liberdade)
Sec. Relações Institucionais: Vander Borges (de Sabará)

A corda continuará esticada para o PSB. O ex-jogador Romário anunciou sua desfiliação do PSB e ingresso no PR. Nos bastidores, afirma-se que foi um contragolpe desferido pela Presidente Dilma Rousseff, o que dá o tom das relações com o governador Eduardo Campos.
Finalmente, Cid e Ciro Gomes tem seus dias de PSB contados. No seu lugar já está programada a filiação da ex-prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins, ex-PT, possível candidata ao governo estadual pelo seu novo partido.
Como se percebe, a relação de Campos/PSB e Dilma/PT não é realmente das melhores.  

3 comentários:

Unknown disse...

E você sabe o que acontecerá com os irmãos Gomes Rudá?
Abraço.

Unknown disse...

Luizianne continua filiada ao PT. É presidente estadual do PT-CE.

Rudá Ricci disse...

Questão de tempo, caro "Unknown". Aguarde. A fonte que me deu informação é mais que quente.