sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

Maluf comanda a política habitacional do governo Haddad


Já não dá para escamotear. A lógica lulista incorporou o malufismo: o deputado federal Paulo Maluf (PP) emplacou afilhados políticos em sete das oito diretorias da Cohab (Companhia Metropolitana de Habitação de São Paulo). A questão é saber se o malufismo é mera "zona de influência lulista" ou o inverso. Mas que os dois andam de braços dados, não há mais dúvida.

2 comentários:

Unknown disse...

Impressionante considerar diretorias da COHAB como cargos estratégicos de importãncia política muito maior do que se apresentam de fato. A política habitacional está federalizada, completamente relacionada ao programa "Minha Casa, Minha Vida". O peso disso na administração é próximo do zero. Simbólico, eu diria.

Rudá Ricci disse...

Acho que não é preciso ter cargo estratégico para entender que tantas diretorias é uma bela demonstração de aliança. Mas, sempre haverá argumentos para acalmar a alma, mesmo atormentada.