quarta-feira, 11 de abril de 2012

PT decide entregar a cabeça do governador Agnelo


O PT decidiu entregar o governador petista Agnelo aos leões. Decisão de Lula. É o preço para poder pegar o governador Perillo, de Goiás, e desidratar ainda mais a oposição. Esta é mais uma demonstração de como o lulismo adota quase literalmente as orientações de Maquiavel. Tem petista que ainda não entendeu isto. Talvez, por não conhecer o estilo de César Bórgia (na ilustração), filho de Alexandre VI, que chegou a matar seu lugar-tenente, Ramiro de Lorque. Mais tarde, Bórgia ordenou que Orsini e Vitellozzo Vitelli, dois de seus subordinados, conquistassem Sinagaglia. Ao chegar com suas tropas em Sinagaglia, Bórgia mandou prender e, mais tarde, executar os três. Maquiavel nunca escondeu sua admiração por Bórgia e chegou a escrever "Descrizione Del modo tenuto dal duca Valentino nell' ammazzare Vitellozzo Vitelli, Oliverotto da Fermo, il Signor Paolo e il Duca di Gravina Orsini" (1502) para destacar como um Príncipe deve sacrificar um súdito para obter a aprovação do povo, mesmo que tenha realizado alguma tarefa definida por ele.

3 comentários:

Peroratio disse...

A opção é "abafar". O que quer que um político faça, na política - e não falo de falcatrua, falo do gesto político - terá um pró e um contra. Também esse gesto eventual de Lula e do PT. A questão é se o cordeiro é santo - aí seria altíssima traição. Mas talvez não seja o caso - é?

Amoral NAtto disse...

Teoria do Omelete, mas que, pra pegar o Perillo vale, isso vale!

Lindolfo disse...

Tá mais que evidente que AGNELO QUEIROZ, infelizmente, é inepto e inapto. Seu governo é uma mistura do velho sob uma roupa nova com a própria roupa velha.

É um governo que abriga AGACIEL MAIA (atos secretos do senado) e todos os viúvos do ARRUDA e RORIZ.

Brasília nunca saiu da crise que derrubou ARRUDA.

AGNELO, ou no mínimo pessoas muito próximas a ele, transitava naqueles bastidores e o brasiliense não sabia!