domingo, 25 de março de 2012

Vitória apertada de Serra no PSDB paulistano e jornalismo partidário

Foi mais difícil do que eu imaginava. José Aníbal conquistou 31,2% do total de votos e Serra chegou a 52%
O mais engraçado foi o comentário de Merval Pereira, no Globo News. Parecia um estrategista de Serra. Chega a ser constrangedor. Disse que foi até bom que tenha obtido esta margem apertada para não dizerem que manipulou. E, de sobremesa, disse o que o PSDB deve negociar com Eduardo Campos para o PSB não apoiar o PT. 
Não entendo, realmente, o que se ganha com um jornalismo tão nitidamente partidário.

3 comentários:

Aluisio Junior disse...

Só venceu porque as demais opções eram irrelevantes no Estado. O eleitorado já está cansado dessas velhas lideranças, as quais já são conhecidas todas as mazelas. O problema é que a renovação é lenta e pouco qualificada. Quanto ao comentário na Globo News, se o ex-governador precisa manipular o resultado das prévias para vencer disputa interna com Ricardo Tripoli e José Anibal com a folga até então esperada, é sinal que a cerreira política do tucano está mesmo próxima do fim.

Aluisio Junior disse...

Só venceu porque as demais opções eram irrelevantes no Estado. O eleitorado já está cansado dessas velhas lideranças, as quais já são conhecidas todas as mazelas. O problema é que a renovação é lenta e pouco qualificada. Quanto ao comentário na Globo News, se o ex-governador precisa manipular o resultado das prévias para vencer disputa interna com Ricardo Tripoli e José Anibal com a folga até então esperada, é sinal que a cerreira política do tucano está mesmo próxima do fim.

Rudá Morcillo disse...

Ganha-se dinheiro!
Acho que não são poucos os jornalistas de aluguel.

Abs.

Do seu xará!
Rudá
www.observatório74.blogspot.com